Modelo de declaração de bens

A declaração de bens foi criada para evitar algumas situações desagradáveis às pessoas, como a perda de objetos de valor material ou pessoal. Nada mais é que um documento onde a pessoa informa quais são os bens que lhe pertence por direito. Um exemplo pode ser a declaração de bens em uma união estável.

Bens materiais

Foto: Reprodução

Modelo de declaração de bens

Eu, (nome), (nacionalidade), (estado civil), (profissão), inscrito no CPF sob o n° (informar), residente e domiciliado à (endereço), declaro para os devidos fins que até a presente data o meu patrimônio é constituído pelos bens arrolados a seguir:

1)      Bem… Valor

2)      Bem… Valor

3)      Bem… Valor

Sendo o que havia a declarar e por ser a expressão de verdade, firmo a presente declaração.

(localidade), (dia), (mês) de (ano).

(assinatura)

(nome completo)

A declaração de bens

Realizada exatamente para evitar situações desagradáveis para as pessoas essa declaração é cada vez mais requerida em escolas, faculdades e empresas. Ela serve de comprovante oficial para alguma situação ou objeto que tem a necessidade de ser confirmado por alguém. Um exemplo que pode ser citado é a perda de objetos, onde a declaração mostra que aquilo pertença à pessoa que o perdeu, evitando situações desgostáveis.

Declaração de união

Um dos casos mais comum de declarações de bens, e bastante importante, é o de união informal. Quando um casal vive junto, mas não é casado na igreja ou no cartório, usa a declaração de união estável, recebendo um documento que comprova a união do casal. Dentro dessa declaração está o benefício de declarar os bens do casal. Onde cada um confirma quais são os seus bens materiais. Essa declaração serve como comprovação de patrimônio em cargos públicos que exijam o comprovante.

Hoje em dia o que mais é adicionado à lista de declaração de bens são as posses de imóveis, posses de automóveis, computadores, aparelhos de celular, móveis, joias, peças de arte, aparelhos eletrônicos, itens de coleção.