Quando e como fazer um boletim de ocorrência?

Boletim de Ocorrência, ou simplesmente B.O., é uma denúncia formal de algum crime. É através dele, que a polícia tem condições de efetuar as medidas cabíveis para cada caso registrado. De assalto a homicídio, este documento poderá ser feito com o intuito de oficiar o acontecido e assim conduzir um possível desfecho de processo judicial.

Neste documento é possível relatar os nomes dos agentes (caso se saiba), das vítimas, vestígios do crime e instrumentos da ação criminosa.

Além disso, é possível informar nomes de testemunhas, no caso de roubo quais os itens que foram saqueados, o valor referente a esses objetos saqueados etc. No geral, Boletim de Ocorrência deve ser feito em toda a situação que mereça intervenção da polícia.

Quando e como fazer um boletim de ocorrência?

Foto: depositphotos

O que deve conter em um B.O.?

Um boletim de Ocorrência feito de forma correta tem que preencher as lacunas das seguintes questões: quem? Quê? Quando? Onde? Como? Porque?. As repostas dessas perguntas serão essenciais para que o policial entenda o caso e saiba como agir.

É preciso informar quais são os envolvidos da história, quais os atos desenrolados neste acontecimentos, em que horário e data se sucederam, o local onde o fato ocorreu. Também vale ressaltar, na denúncia o modo como a ação criminosa aconteceu, bem como a motivação do crime (se existir).

Facilidade: Boletim de Ocorrência pela internet

Antigamente, quando não havia todas as tecnologias disponíveis, um B.O. só poderia ser feito em uma delegacia. Portanto, a vítima ou testemunhas teriam que se deslocar após a ação criminosa e procurar um ponto policial. Todavia, a internet deixou tudo mais simples. Isso porque agora é possível realizar um Boletim de Ocorrência pelo site oficial da Secretaria de Defesa Social.

Apesar da comodidade, nem todos os crimes podem ser relatados neste site. Assim, as únicas ocorrências que poderão ser denunciadas pela internet são às relacionadas com furto, roubo, extravio de objetos e de acidentes de trânsito sem vítimas, como no caso de “colisões ou abalroamento entre veículos automotores”, conforme é dito na descrição.

Os passos que sucedem o preenchimento de B.O. pela internet são ensinados pelo um policial virtual. Este, por sua vez, conduz todo o processo do documento até o seu desfecho. Após a conclusão, o boletim é enviado para o e-mail mencionado do preenchimento de dados. Portanto, este é a validação da denúncia e pode ser impresso à qualquer momento e utilizado para comprovar o ocorrido.


Escrito por: Katharyne Bezerra

Categorias: Diversos